Hospital Metropolitano de Várzea Grande realiza primeira cirurgia bariátrica pelo SUS

A expectativa da agente de segurança de Cuiabá (MT) Deuzimar Pereira Pacheco, de 34 anos, que há três aguardava para realizar uma cirurgia bariátrica pelo SUS, era grande, esta manhã (02), momentos antes de se submeter ao procedimento no Hospital Metropolitano de Várzea Grande, que pertence ao Estado do Mato Grosso e é administrado pelo Instituto Pernambucano de Assistência e Saúde (IPAS).
“É um alívio finalmente poder realizar esta cirurgia, que vai me proporcionar uma mudança de vida, para melhor, com mais qualidade e saúde”, disse ela ao relatar que a obesidade (119 quilos) lhe complicava os movimentos “eu preciso me mover, trabalhar, estudar (acadêmica de Direito) e gosto de dançar também, isso já estava ficando complicado”. Deuzimar disse esperar que outras pessoas que, como ela, também aguardam para fazer a cirurgia bariátrica pelo SUS, consigam realizar este procedimento.
A cirurgia, coordenada pela equipe do Cirurgião Bariátrico Dr. Marcondes Costa Marques ( 1153 CRM-MT) demorou cerca de duas horas. A paciente, que se recupera na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital, passa bem.
O médico avalia que, para quem sofre de obesidade e tem indicação médica, a cirurgia bariátrica representa, “um resgate da vida do indivíduo, a pessoa não consegue emprego, não consegue fazer as coisas mais simples do dia a dia, desde comprar roupas, andar de ônibus, enfim são discriminadas mesmo. Postergar este procedimento pode acarretar outros problemas de saúde”.
Com esse procedimento, o Hospital Metropolitano de Várzea Grande, além de realizar cirurgias geral e ortopédicas de alta e média complexidade, passa a garantir aos usuários do SUS, encaminhados pela Central Estadual de Regulação, a cirurgia bariátrica, além de outros serviços ambulatoriais de apoio ao diagnóstico como: Endoscopia, Colonoscopia, Broncoscopia, CPRE, Tomografia Computadorizada, Ultrassonografia, RX e Exames Laboratoriais bem como consultas nas especialidade cirúrgicas de: Buco Maxilo Facial, Urologia, Geral, Ortopedia, Vascular e Bariátrica.
Segundo a direção, do HMVG, a previsão é de que até o final do mês outras oito cirurgias bariátricas sejam realizadas no Hospital Metropolitano de Várzea Grande que, atualmente é o único, no Mato Grosso, a garantir este procedimento aos usuários do SUS.

Deuzimar Pereira Pacheco, momentos antes de realizar a cirurgia bariátrica, juntamente com a equipe multidisciplinar do HMVG.


Equipe médica que realizou a primeira cirurgia bariátrica no HMVG. Da esquerda para a direita os médicos: Marcelo Sepúlveda M. Faria, Joaquim M. Spadoni e Marcondes C. Marques.